segunda-feira, 7 de fevereiro de 2011

LXXXIII - mais uma parte




("Jackie is a punk , Judy is a runt,They both went down to Berlin, joined the Ice Capades...")





É segunda de manhã, protestamos

Contra o mundo estando em casa, de boa

Assistindo aos Trapalhões no Youtube

E terminando uma caixa de cerva

Precisávamos ir até o centro

Da cidade, pagar algumas contas

Mas... não é que começou a chover...

Q puta preguiça! Não temos grana

Mas grama comem as formigas de

Gravata, gritando o nada que suas

Patas alcançam mesmo q recheadas

As suas carteiras de couro sintético

Tão ecologicamente corretas

Burp!... Ah! bolhas de soap são os dias

Que retinas de ferro não percebem

Pois sempre se escondendo atrás de óculos

Escuros, dias à sombra dos prédios

Titãs estanques das fezes de Cronos

Ah! foda-se a música das igrejas

Dos versos do futuro e do passado

Tão cheias, tão repletas... de muralhas

Ah! e como é bom saber afinal!

Que porra importa saber fazer versos

Que saem iguais a tudo exceto a mim?!

Ex abundanctia enim cordis os loquitur















Nenhum comentário: